Reajuste de ganhos para entregadores iFood em julho de 2023

Diego Alves

-


28 de junho de 2023 2 min de leitura

Pelo terceiro ano consecutivo, a empresa realiza reajuste de ganhos para entregadores e entregadoras que trabalham com a plataforma 

A partir do dia 3 de julho, o iFood aumenta em 4,5% o valor médio dos ganhos dos entregadores. Este é o terceiro ano consecutivo em que a empresa reajusta os valores pagos aos entregadores, considerando as oscilações nos preços dos combustíveis e também a inflação.

Como será o reajuste dos entregadores em 2023:

Por que os aumentos são diferentes?

A taxa mínima vale para as rotas mais curtas. Nas mais longas, o cálculo inclui outros fatores, como o valor adicional por quilômetro rodado. Por isso o reajuste no ganho geral fica em 4,5%.

Com esse reajuste, o iFood pretende promover um aumento que seja superior ao da inflação registrada nos últimos 12 meses, que foi de 3,74%, de acordo com o INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor) e que beneficie todos os entregadores que trabalham com a plataforma.

Veja outras iniciativas do iFood para valorizar quem faz entregas:

– Assistência à saúde com teleconsultas gratuitas e consultas presenciais com médicos a partir de R$ 19,90, desconto de até 80% em farmácias e abatimento de até 20% no plano odontológico. Saiba mais sobre essas e outras vantagens aqui.

Central de assistência jurídica e psicológica gratuita a quem sofrer discriminação no trabalho. Os casos reportados no aplicativo são direcionados para o atendimento por advogadas e psicólogas.

– Acesso aos cursos gratuitos de desenvolvimento pessoal e profissional do iFood Decola, à capacitação em tecnologia no Potência Tech e ao Meu Diploma do Ensino Médio;

“A agenda de valorização dos entregadores é prioritária para nós. Estamos constantemente dialogando com eles como uma forma de entender melhor as demandas prioritárias e de que forma podemos trabalhar juntos para alcançar melhorias operacionais, experiência do entregador com a nossa plataforma e que a categoria de entregadores seja cada vez mais valorizada e respeitada pela sociedade”, afirma Stella Chamarelli, diretora de Experiência dos Entregadores do iFood.

Veja mais notícias